Relator de denúncia ataca atuação de Janot na PGR durante sessão de votação
 
O deputado Bonifácio Andrada (PSDB-MG) não poupou críticas ao ex-procurador-geral da República, Rodrigo Janot, autor da segunda denúncia contra o presidente Michel Temer. Em discurso na sessão da Câmara desta quarta-feira (25), quando está prevista a votação da denúncia, o tucano disse que a PGR agiu politicamente com uma "denúncia mentirosa", apenas para fazer uma "triste oposição". "É uma denúncia sem nenhuma base, mentirosa, vazia, falsa. Ela se baseia em três itens que não têm sentido, um decreto objeto de investigação, nomeação de ministro de estado e articulação de partidos visando objetivos criminosos", observou. Bonifácio sustentou que não poderia ser considerado crime a nomeação de ministros ou articulação de partidos, nem mesmo a assinatura de decretos. Além disso, a PGR aborda fatos anteriores ao mandato de Temer, o que é vedado pela Constituição. "De fato, nos deixa a demonstrar que a Procuradoria está agindo politicamente contra o presidente da República, tentando enfraquecê-lo e até mesmo afastá-lo do poder", acrescentou Bonifácio. 
 
Brasil, 25 de Outubro de 2017
Por Redação AlegriaNews| Foto: Reprodução| BN

  

  

  

  

 

 

 

 

 

 

 

 Portal

Início
Notícias
Música
Esporte
Entretenimento
Canal Mulher
Contato

Espaço mulher

Início
Notícias
Moda
Receitas
Bem estar

Dicas de beleza

Contato